HOME MENSAGENS DICAS DE LIDERANÇA CONTATO  

 

Sede de amor  
 
  E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.  13:2

É inerente ao homem, uma busca meio que oculta (não explicita) mais latente de completar e saciar as carências. Afinal, são coisas do íntimo e da alma, que dormimos, sonhamos e acordados com elas.

Uma sede que pode ressecar e uma folha ressecada é facilmente esfarelada e levada ao vento. Cuidado!

Jesus, teve um encontro com uma mulher que ia tirar água de uma cisterna, conclui-se que esta mulher vivia uma carência de relacionamentos. Já tinha tido cinco maridos e vivia com um sexto que não era o seu marido. Jesus lhe ofereceu uma água que jamais teria sede, aquilo despertou o interesse deste mulher. Jesus tocou num ponto nevrálgico da vida desta mulher: "a sede".

Com este exemplo, gostaria de deixar uma reflexão, que é legitimo e natural, buscar a identificação e cumplicidade nos relacionamentos em prol de uma satisfação mutua. Isto é o mais precioso nos casamentos, saciar a sede amparado sem sentir culpa, mas sim a satisfação pelo transbordar do amor.

Você já percebeu que quando existe o amor, há um transbordar de felicidade, você se torna muito mais  contributivo. Você se transborda, sua medidas estão além de você. Você quer formar uma campeão, ame-o, você quer se destruir, odeie.

A ausência do amor torna a vida com uma engrenagem seca, falta o óleo que a bíblia exemplifica muito bem como azeite. O Azeite da unção de invade a alma e engraxa o relacionamentos e dá sentido a vida.

Muito triste também viver a solidão a dois. Não sentir a cumplicidade e o compasso na passada, falta cadência.

Se este for seu caso, não se abale, confie em Jesus que tem o poder de saciar sua sede!

Outra solução poderá aumentar ainda mais sua sede e levar a morte da alma.

Marcos Cavalcante

Reflexão:
. . . mas o que beber da água que eu lhe der jamais terá sede. Mas a água que eu lhe der virá a ser nele fonte de água, que jorrará até a vida eterna. João 4:14
 

 

© 2009 - Direitos reservados